Imprensa livre e independente
05 de julho de 2019, 10h47

Novas fotos dos 39 quilos de cocaína traficados por militar em avião da FAB são divulgadas

Nas novas imagens, divulgadas pela polícia da Espanha, a presença da droga se torna evidente e de fácil identificação dentro da mala de mão carregada pelo sargento da Aeronáutica Manoel Silva Rodrigues

Divulgação/Polícia da Espanha
A Guarda Civil da Espanha divulgou na manhã desta sexta-feira (5) novas imagens da droga apreendida que era traficada pelo segundo sargento da Aeronáutica Manoel Silva Rodrigues em avião da Força Aérea Brasileira que fazia parte da comitiva presidencial. Nas novas imagens, a presença da droga se torna evidente e de fácil identificação dentro da mala de mão carregada pelo militar, que passou por raio-x. O 39 kg foram divididos em 37 pacotes, sendo a maioria embalada na cor bege e 3 na cor amarela. Rodrigues segue detido na Espanha, na penitenciária Sevilha 1, onde aguarda julgamento na Justiça Espanhola e...

A Guarda Civil da Espanha divulgou na manhã desta sexta-feira (5) novas imagens da droga apreendida que era traficada pelo segundo sargento da Aeronáutica Manoel Silva Rodrigues em avião da Força Aérea Brasileira que fazia parte da comitiva presidencial.

Nas novas imagens, a presença da droga se torna evidente e de fácil identificação dentro da mala de mão carregada pelo militar, que passou por raio-x. O 39 kg foram divididos em 37 pacotes, sendo a maioria embalada na cor bege e 3 na cor amarela.

Rodrigues segue detido na Espanha, na penitenciária Sevilha 1, onde aguarda julgamento na Justiça Espanhola e divide uma cela com outro detento.

Veja também:  Nos braços de Doria, Alexandre Frota se diz decepcionado com Bolsonaro: "Precisa olhar pra trás"

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum