Imprensa livre e independente
04 de julho de 2019, 12h37

Papa Francisco divulga vídeo onde afirma que juízes devem ser isentos

Coincidência ou não, no vídeo do Papa aparece a encenação de uma audiência em que as partes mostram diferentes imóveis: de um lado um prédio em um resort; do outro, uma casa simples

Foto: Twitter/Pontifex
O Papa Francisco publicou um vídeo nesta quinta-feira (4), onde aponta a importância da independência dos juízes. Francisco diz que juízes devem ser “isentos de favoritismos e das pressões que possam contaminar as decisões que devem tomar”. O vídeo do Papa é divulgado menos de um mês após o The Intercept apresentar vazamento de mensagens entre o então juiz e atual ministro da Justiça, Sérgio Moro, e o procurador federal Deltan Dallagnol combinando ações sobre o processo que envolve o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Coincidência ou não, no vídeo do Papa aparece a encenação de uma audiência em que as...

O Papa Francisco publicou um vídeo nesta quinta-feira (4), onde aponta a importância da independência dos juízes. Francisco diz que juízes devem ser “isentos de favoritismos e das pressões que possam contaminar as decisões que devem tomar”.

O vídeo do Papa é divulgado menos de um mês após o The Intercept apresentar vazamento de mensagens entre o então juiz e atual ministro da Justiça, Sérgio Moro, e o procurador federal Deltan Dallagnol combinando ações sobre o processo que envolve o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Coincidência ou não, no vídeo do Papa aparece a encenação de uma audiência em que as partes mostram diferentes imóveis: de um lado um prédio em um resort; do outro, uma casa simples.

“Os juízes devem seguir o exemplo de Jesus, que nunca negocia a verdade. Rezemos para que todos aqueles que administram a justiça operem com integridade e para que a injustiça que atravessa o mundo não tenha a última palavra”, completa a mensagem.

 

 

Veja também:  El País é o primeiro veículo internacional a confirmar veracidade das mensagens divulgadas pelo Intercept

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum