Imprensa livre e independente
07 de julho de 2019, 18h37

Pavão Misterioso divulga mais prints falsos, mas acusa golpe e anuncia fim

Perfil fez novas acusações contra Glenn Greenwald, Leandro Demori, Jean Willys, Davi Miranda e Marcelo Freixo

No final da tarde deste domingo (7) o perfil Pavão Misterioso voltou a soltar fake news nas redes sociais. Com mais uma sequência de postagens, ele apresentou novos supostos prints que seriam de conversas do deputado federal David Miranda (PSOL-RJ) com o editor do The Intercept, Leandro Demori, e com ex-parlamentar Jean Wyllys. Para justificar a falha que mostrou que o número atribuído anteriormente a Demori era o que estava vinculado a criação do perfil, o Pavão Misterioso afirmou que tinha usado o número do jornalista para reativar a conta. “É uma pena que o sarcasmo de usarmos o chip...

No final da tarde deste domingo (7) o perfil Pavão Misterioso voltou a soltar fake news nas redes sociais. Com mais uma sequência de postagens, ele apresentou novos supostos prints que seriam de conversas do deputado federal David Miranda (PSOL-RJ) com o editor do The Intercept, Leandro Demori, e com ex-parlamentar Jean Wyllys.

Para justificar a falha que mostrou que o número atribuído anteriormente a Demori era o que estava vinculado a criação do perfil, o Pavão Misterioso afirmou que tinha usado o número do jornalista para reativar a conta.

“É uma pena que o sarcasmo de usarmos o chip do Demori depois do descarte para reativar esta @rroba tenha sido entendido como fraqueza. A decepção com tudo que acontece se segue a um levante que deve ser pacífico e judicial, não com alucinados”, postou.

Em uma outra publicação, o perfil que espalha notícias falsas acusa o golpe e se despede da internet fazendo a saudação comum ao presidente Jair Bolsonaro. “Sedentos por sangue justiçando alguém. Todos temos podres, os deles estão expostos, os nossos por vezes também. Hoje será a última vez do pavão, pois certamente nosso trabalho chega ao fim neste instante! Brasil acima de tudo”.

Veja também:  Moro determinou a procuradores condições para homologar delações: "É um tipo de barganha"

O deputado federal Marcelo Freixo disse que vai acionar a Polícia Federal para que se descubra quem está por trás do perfil fake. Ele também colocou seu telefone à disposição das autoridades para ser periciado. Um dos apontados por ser o administrador da conta é o vereador e filho do presidente da república, Carlos Bolsonaro.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum