52,2% desaprovam governo Bolsonaro, diz Pesquisa Fórum

Mulheres, nordestinos e mais jovens seguem sendo os que mais rejeitam o governo; apenas 26,7% avaliam positivamente a gestão Bolsonaro

A Pesquisa Fórum, realizada em parceria com a Offerwise, mostra que mais da metade da população brasileira (52,2%) desaprova o governo de Jair Bolsonaro (sem partido). Somente 32,8% dos entrevistados aprovam sua gestão e 15% não sabem responder. Esse índice se mantém estável desde novembro do ano passado, quando a aprovação do governo despencou e vem caindo. Em outubro do ano passado, 51,9% dos brasileiros diziam aprovar o governo e 48,1% desaprovavam.

As mulheres, os mais jovens e os nordestinos seguem sendo os grupos que mais desaprovam o governo Bolsonaro. Entre elas, apenas 23,6% aprovam o governo e 56,8% desaprovam, já entre eles são 43,1% que aprovam e 47,1% que desaprovam.

Entre os mais jovens, 63,1% dizem desaprovar o governo de Jair Bolsonaro e apenas 21,9% aprovam. Já entre as pessoas com 60 anos ou mais, a aprovação (45,9%) do governo é maior que a desaprovação (43,9%).

As pessoas que têm ensino fundamental estão mais divididas em relação à aprovação do governo: 37,3% aprovam, 36,3% desaprovam e 26,4% dizem não saber. Já entre os que têm ensino médio, são 29,2% de aprovação, 60,2% de desaprovação e 10,6% não sabem. Entre os que possuem ensino superior, 33,4% aprovam, 59,8% desaprovam e apenas 6,8% não sabem.

Publicidade

No recorte de renda, Bolsonaro tem perdido apoio dos que ganham mais. Entre os que recebem de cinco a dez salários mínimos, 69,7% desaprovam o governo, somente 26,3% aprovam e 4% não sabem. Na Pesquisa Fórum de março deste ano, 58,8% desaprovavam, 38,6% aprovavam e 2,6% não sabiam.

Publicidade

Entre as regiões do país, o Nordeste segue sendo a região que mais desaprova o governo Bolsonaro: 59,1% desaprovam, 26,1% aprovam e 14,8% não sabem. O Norte é a região que mais aprova: 48,4% de aprovação, 24,9% de desaprovação e 26,8% dizem não saber.

Avaliação positiva e negativa se mantêm

A 9ª edição da Pesquisa Fórum também questionou os entrevistados sobre a avaliação do governo de Jair Bolsonaro. Para 47%, o presidente está fazendo uma gestão ruim ou péssima, para 26,7% o governo é ótimo ou bom, para 22,1% é regular e 4,2% não sabem responder.

A avaliação positiva e negativa do governo se mantêm estável em relação ao último levantamento, em março de 2021, quando houve uma queda na avaliação positiva e crescimento da negativa, considerando a série histórica da pesquisa, que começou em maio de 2020.

A avaliação positiva do governo já atingiu o pico de 37,5% em agosto de 2020, quando os brasileiros recebiam o auxílio emergencial de 600 reais. Naquele momento, o índice de ruim e péssimo foi o mais baixo da série histórica (35,3%).  

Notícias relacionadas

Pesquisa inova com metodologia

9ª Pesquisa Fórum foi realizada entre os dias 21 e 24 de junho, em parceria com a Offerwise, e ouviu 1000 pessoas de todas as regiões do país. A margem de erro é de 3,2 pontos porcentuais, para cima ou para baixo. O método utilizado é o de painel online e a coleta de informações respeita o percentual da população brasileira nas diferentes faixas e segmentos.

O consultor técnico da Pesquisa Fórum, Wilson Molinari, explica que os painelistas são pessoas recrutadas para responderem pesquisas de forma online. A empresa que realiza a pesquisa, a Offerwise, conta com aproximadamente 1.200.000 potenciais respondentes no Brasil. “A grande vantagem é que o respondente já foi recrutado e aceitou participar e ser remunerado pelas respostas nos estudos que tenha interesse e/ou perfil para participar. No caso da Pesquisa Fórum, por ser de opinião, não existe perfil de consumidor restrito, como, por exemplo, ter conta em determinado banco, ou possuir o celular da marca X. O mais importante é manter a representatividade da população brasileira, tais como, gênero, idade, escolaridade, região, renda, etc.”

Avatar de Dri Delorenzo

Dri Delorenzo

Jornalista, especializada em Meio Ambiente e Sociedade (FESPSP) e mestre em Comunicação Digital pela UFABC. É editora executiva da Revista Fórum.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR