Imprensa livre e independente
05 de julho de 2018, 11h42

Petição contra PL do Veneno reúne quase 1 milhão de assinaturas

Campanha busca barrar proposta já aprovada em Comissão da Câmara dos Deputados que amplia ainda mais o uso de agrotóxicos no país

A petição “Chega de agrotóxicos” disponibilizada on line por uma série de entidades já soma cerca de 1 milhão de assinaturas. O movimento busca apoio da sociedade para a aprovação do Projeto de Lei 6670/2016 que institui a Política Nacional de Redução de Agrotóxicos (PNaRA) e ao mesmo tempo para barrar o Projeto de Lei (PL) 6299/2002, conhecido como “PL do Veneno”. O “PL do Veneno” é de autoria do ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento do governo Michel Temer, Blairo Maggi, no período em que foi senador. Maggi é conhecido como o “Rei da Soja” e é dono do...

A petição “Chega de agrotóxicos” disponibilizada on line por uma série de entidades já soma cerca de 1 milhão de assinaturas. O movimento busca apoio da sociedade para a aprovação do Projeto de Lei 6670/2016 que institui a Política Nacional de Redução de Agrotóxicos (PNaRA) e ao mesmo tempo para barrar o Projeto de Lei (PL) 6299/2002, conhecido como “PL do Veneno”.

O “PL do Veneno” é de autoria do ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento do governo Michel Temer, Blairo Maggi, no período em que foi senador. Maggi é conhecido como o “Rei da Soja” e é dono do grupo André Maggi, em Cuiabá, um império do agronegócio.

O ministro da Agricultura é apontado por entidades ambientalistas como o Greempeace como “o inimigo número 1 do meio ambiente” tendo recebido troféu Motoserra de Ouro, em 2006. É dele o projeto de lei que busca ampliar ainda mais o uso de agrotóxicos no Brasil.

O PL já foi aprovado em Comissão Especial da Câmara do Deputados no dia 25 de junho, agora segue para ser votado no plenário da Casa. Se for aprovada, a legislação facilitará o processo de registro e a comercialização de agrotóxicos no país, causando impactos ambientais, à saúde dos trabalhadores rurais e à sociedade em geral.

Veja também:  Reinaldo Azevedo anuncia mais um vazamento que envolve ministro do STF e Dallagnol

A campanha contra a aprovação da proposta conta com personalidades como a apresentadora Bela Gil e a chef de cozinha Paola Carosella.

Assine aqui.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum