BRASIL FELIZ DE NOVO

Lula cresce em estados governados por bolsonaristas, diz Quaest

Presidente tem aprovação muito superior à votação que teve em 2022 em São Paulo, de Tarcísio de Freitas; Minas Gerais, de Zema; Paraná, de Ratinho Jr.; e Goiás, de Ronaldo Caiado

Lula e Tarcísio Gomes de Freitas em evento em Santos.Créditos: Ricardo Stuckert
Escrito en POLÍTICA el

Pesquisa Quaest divulgada nesta quinta-feira (11) revela que Lula tem crescido em quatro estados governados por apoiadores leais a Jair Bolsonaro (PL): São Paulo, de Tarcísio Gomes de Freitas (Republicanos); Minas Gerais, de Romeu Zema (Novo); Goiás, de Ronaldo Caiado (União); e Ratinho Jr. (PSD).

Segundo o levantamento, nos quatro estados, a aprovação de Lula supera a votação que teve em 2022.

Entre o eleitorado paulista, onde o presidente teve 33% dos votos, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), enquanto a aprovação é de 50%. Em Minas, onde Lula obteve 38% dos votos, a aprovação é de 52%.

No Paraná, berço da Lava Jato, Lula é aprovado por 44% - 14 pontos acima da votação que teve no estado. Já em Goiás, do extremista Caiado, Lula é aprovado por 49%, ante 32% dos votos que teve no estado na disputa presidencial em 2022.

Os índices superam ou estão próximos à aprovação nacional de 51% do governo Lula, registrada em pesquisa Quaest de março passado.

Positivo e regular

A Quaest ainda mediu a avaliação de Lula nos estados. Na pesquisa nacional, realizada em março, Lula obteve 35% de positivo e 28% de regular.

Já no estudo atual, feito apenas nos quatro estados, Lula tem avaliação positiva de 32% e regular de 29% em São Paulo. Em Minas, o positivo chega a 34% e o regular 30%.

Já no Paraná, o governo é visto como positivo por 30% dos entrevistados, enquanto 27% avaliam como regular. Entre os goianos, 32% avaliam como positivo e 27% como regular.

Avaliação dos governos estaduais

Entre os quatro governos pesquisados, Goiás lidera o índice de aprovação, com 86%. Caiado é avaliado como positivo por 70% da população e regular por 22%.

Em seguida vem Ratinho Jr, com aprovação de 79%. Na avaliação, 59% dos paranaenses avaliam como positivo o governo e 30% como regular.

O governo mineiro tem a aprovação de 62%, sendo que 41% avaliam o trabalho de Zema como positivo e 43% regular.

Tarcísio vive um cenário semelhante em São Paulo, com os mesmos 62% de aprovação. Sendo que 41% dos paulistas avaliam o governo estadual positvo e 35% como regular.

A Quaest realizou 1.506 entrevistas presenciais em Minas Gerais, 1.121 no Paraná, 1.127 em Goiás e 1.656 em São Paulo entre os dias 4 e 7 de abril. As margens de erro são de 2,5 pontos percentuais em Minas Gerais, 2,9 p.p no Paraná e em Goiás e 2,4 p.p em São Paulo. 

Leia a pesquisa na íntegra

Archivos adjuntos