Blog do George Marques

direto do Congresso Nacional

Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
02 de julho de 2019, 17h22

”Adotava postura agressiva”, diz Moro sobre advogado de Lula

Ministro foi questionado por deputados o motivo de não ter se aproximado de advogados, como fez com procuradores

O ministro da Justiça, Sérgio Moro, que participa de audiência na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara (CCJ), disse nesta terça-feira (2) que não se aproximou mais do advogado do ex-presidente Lula, Cristiano Zanin, por conta do “comportamento beligerante” do defensor. O chefe da Justiça está na CCJ a convite para explicar sobre o conteúdo de mensagens vazadas pelo site The Intercept Brasil.

De acordo com o ministro, Zanin, que defende Lula, tinha um comportamento agressivo durante as audiências. O ministro destacou que chegou a dar conselhos ao advogado.

“Adotava postura ofensiva, beirando as ofensas em praticamente todas as audiências. Em uma audiência quis contraditar um acusado. Falei com ele que era medida destinada a testemunha. Ele recusou. Isso é quebra de imparcialidade?”

Moro encontra o clima hostil na Câmara, diferente de quando foi no Senado. Até o momento o ministro tem se negado a responder perguntas espinhosas, repetindo respostas já dadas em outros questionamentos.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum