Fórum Educação
13 de dezembro de 2019, 20h01

Advogados do filho de Lula pedem ao TRF-4 anulação e retirada de caso da Lava Jato de Curitiba

De acordo com a defesa de Fábio Luís Lula da Silva, o caso já foi sujeito à investigação criminal em São Paulo e acabou arquivado pelo MPF no estado por falta de provas

Fábio Luiz Lula da Silva - Foto: Reprodução

A equipe de defesa de Fábio Luís Lula da Silva, filho do ex-presidente Lula, solicitou, nesta sexta-feira (13), ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), que retire a investigação da 69ª fase da Lava Jato da vara federal de Curitiba. Além disso, também pediu a anulação da decisão judicial que decretou a apuração, de acordo com reportagem da Folha de S.Paulo.

O juiz é o velho conhecido de Lula, João Pedro Gebran Neto. Os advogados Fábio Tofic Simantob e Mariana Ortiz justificam o pedido, afirmando que “o caso já foi sujeito à investigação criminal que tramitou em São Paulo por determinação do Superior Tribunal de Justiça. O inquérito, na ocasião, foi arquivado pelo Ministério Público Federal no estado por falta de provas. Eles alegam que qualquer nova investigação sobre o tema só pode ser feita no mesmo local”.

Não é sócio Fórum? Quer ganhar 3 livros? Então clica aqui.

Outra alegação da defesa é que “nada há na fase 69ª da Operação Lava Jato que aponte algum mínimo resquício de fraude ou desvio na Petrobras”.

“A competência da 13ª Vara Federal de Curitiba está restrita a ilícitos envolvendo a Petrobras, ao passo que a 69ª Fase da Lava Jato, à toda evidência, investiga supostos ilícitos envolvendo o setor de telecomunicações, sem nenhuma relação com óleo e gás”, destaca a defesa.

Mapa da Mina

Em ação batizada de Mapa da Mina, a Polícia Federal cumpriu, na terça-feira (10), 47 mandados de busca a apreensão na 69ª fase da Lava Jato, que investiga repasses do grupo Oi/Telemar para uma empresa do filho de Lula.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum