Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
27 de outubro de 2019, 06h29

Alçado por Bolsonaro, Advogado-Geral da União chama fake news de “exageros na liberdade de expressão”

Alinhado com o clã Bolsonaro, André Mendonça diz que legislar sobre o tema "vai inviabilizar uma liberdade de expressão que também é um direito constitucional"

André Mendonça, Advogado-Geral da União, e Bolsonaro (Reprodução)

Alçado ao comando da Advocacia-Geral da União por Jair Bolsonaro, o ministro André Mendonça afirmou em entrevista ao Portal Uol divulgada neste domingo (27) que é contra a criminalização dos propagadores de fake news, que chamou de “exageros na liberdade de expressão”.

“Quando alguns nervos estão à flor da pele, a tendência de se cometerem erros é maior. Preferiria baixar a poeira, vermos, debatermos mais socialmente quais os limites e compreendermos isso e, aí, sim, partirmos para uma legislação que possa prevenir condutas inadequadas em função de exageros na liberdade de expressão”, afirmou, para justificar seu posicionamento.

Para Mendonça, a questão é muita nova e o momento, de “discussão acalorada”, não é propício para legislar sobre o tema.

“Estamos numa fase de sedimentar socialmente os limites. E está tão acalorada essa discussão que eu acho que, se fizer isso agora, a gente corre o risco de se exceder demais ou de não dar o devido tratamento. Veja, a comunicação em rede vai ser a realidade do século 21. E você agir de uma forma talvez tão desproporcional vai inviabilizar uma liberdade de expressão que também é um direito constitucional”, disse.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum