Entrevista exclusiva com Lula
01 de novembro de 2019, 16h19

Alckmin não aceita ser candidato a vereador pelo PSDB em São Paulo

O convite foi extensivo à sua esposa, Lu Alckmin

Foto: Marcelo Camaargo/ABr

O ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, recusou convite do PSDB, extensivo à sua esposa, Lu Alckmin, para disputar uma vaga de vereador em São Paulo em 2022, segundo informações do repórter da Folha, Fábio Zanin.

A ideia, de acordo com o jornalista, seria transformar Alckmin num puxador de votos, o que contribuiria para aumentar a bancada do partido na Câmara dos atuais 10 vereadores para até 16.

Segundo o presidente do diretório municipal tucano na capital paulista, Fernando Alfredo, em caso de recusa de Alckmin, a ideia seria lançar Lu como candidata a vereadora.

O dirigente tucano informa que Alckmin, na ocasião, afirmou que iria pensar no assunto. “A gente conhece o governador, ele quando não quer descarta de cara. O fato de não ter feito isso nos deu esperança”, afirmou.

À Folha, no entanto, o ex-governador descartou a sondagem e disse que não pretende disputar nenhum cargo na eleição de 2020.

“Estou me dedicando à medicina, e pretendo fazer um mestrado ou doutorado na área de saúde no ano que vem”, afirmou o tucano.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum