Fórumcast #19
15 de junho de 2019, 09h21

Alexandre Frota embasa Rodrigo Maia: “Governo virou usina de crises” e sabemos quem são os maestros

"Rodrigo tem total razão, e sabemos exatamente quem são os maestros das crises", tuitou Frota, compartilhando crítica do presidente da Câmara ao governo Bolsonaro

Alexandre Frota e Rodrigo Maia (Montagem)

Em crise com Jair Bolsonaro e os filhos, o deputado federal Alexandre Frota (PSL/SP) foi às redes sociais embasar as declarações do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM/RJ), de que o governo se tornou uma “usina de crises”, que está atravancando a tramitação da reforma da Previdência no Congresso Nacional.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

“‘O governo virou uma usina de crises permanente que não atingirá a Câmara dos Deputados’, diz Maia. E Rodrigo tem total razão, e sabemos exatamente quem são os maestros das crises . @RodrigoMaia”, tuitou Frota, compartilhando reportagem sobre a fala de Maia.

Nesta sexta-feira (14), Maia acusou Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes de criarem crises desnecessárias e voltou a defender que, apesar do Palácio do Planalto, o Congresso aprovará a reforma da Previdência.

Veja também:  Capa de jornal carioca sobre "troca-troca" de Frota viraliza nas redes

“O governo virou uma usina de crise permanentes que não atingirá a Câmara dos Deputados”, disse o deputado, que continou o discurso em seu Twitter.

“As declarações do ministro Paulo Guedes reforçam esta usina de crises que se tornou o governo, mas a Câmara está blindada e vai trabalhar para votar a reforma da Previdência neste semestre. Essa é a nossa responsabilidade”, afirmou sobre o ministro criticou as mudanças que o projeto do governo sofreu no Congresso.

Para Maia, os parlamentares tentam apagar os incêndios criados pelo governo. “Pela primeira vez o Parlamento vai ser bombeiro e não incendiário. Se fossemos depender da articulação do governo, teríamos 50 votos e não os 350 que esperamos. Vamos aprovar uma reforma na ordem de R$ 900 bilhões e vou continuar trabalhando para incluir prefeitos e governadores”.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum