Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
17 de janeiro de 2020, 12h28

“Alvim verbalizou o que o governo pensa”, diz teólogo

Para Ronilso Pacheco, a demissão de Roberto Alvim da Secretaria Especial de Cultura por Jair Bolsonaro será usada para mostrar que o governo "tem algum bom senso". "Mas, não tem"

Roberto Alvim e Bolsonaro - Foto: Reprodução/Facebook

O teólogo Ronilso Pacheco, autor de “Ocupar, Resistir, Subverter: igreja e teologia em tempos de violência, racismo e opressão”, afirmou em sua conta no Twitter nesta sexta-feira (17) que a demissão de Roberto Alvim da Secretaria Especial de Cultura por Jair Bolsonaro vai ser usada para mostrar que o governo “tem algum bom senso”.

“O secretário vai cair porque a sua insanidade foi indiscutível para qualquer um. Mas exonerá-lo dará a sensação de que o governo Bolsonaro tem algum bom senso. Mas ele não tem. Precisamos de um esforço coletivo para que saiam TODOS. Alvim verbalizou o que o governo pensa”, tuitou o ativista.

Depois de publicar vídeo com apologia ao nazismo e discurso copiada de Joseph Goebbels, o secretário especial de Cultura, Roberto Alvim, será demitido do governo Jair Bolsonaro ainda nesta sexta-feira (17).

A situação de Alvim ficou “insustentável” com a divulgação do vídeo em que ele copia um trecho do discurso do ministro da Propagada do Nazismo, Joseph Goebbels.

O anúncio deve ser feito nas próximas horas, mas o Planalto não deve entrar em detalhes sobre os motivos, já que a declaração gerou muito desconforto na cúpula e entre apoiadores do governo – especialmente entre representantes de Israel e a bancada evangélica.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum