O que o brasileiro pensa?
14 de junho de 2020, 12h30

“Amanhã seremos nós os golpistas e racistas”, diz Eduardo Bolsonaro ao criticar atos contra “figuras históricas”

Filho de Jair Bolsonaro se irritou com atos antirracistas pelo mundo que estão "proibindo exibição de filmes clássicos como 'E o vento levou' ou mesmo contestando pessoas como Churchill"

Eduardo Bolsonaro estampando o rosto de um de seus ídolos (Arquivo)

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) foi às redes sociais na manhã deste domingo (14) criticar atos antirracistas pelo mundo, que pregam a derrubada de monumentos a escravistas e políticos, com o ex-primeiro-ministro britânico Winston Churchill, e tem feito com que serviços de streaming tire do ar filmes com conotação racista, como “E o Vento Levou”.

VÍDEO: Weintraub desafia governo do DF e participa de ato com bolsonaristas na Esplanada

“Pessoas que cometem estes estes atos,nada democráticos,são tratadas como “manifestantes”. Dá-se ar de normalidade a algo bizarro. Se não quebrarmos essa espiral do silência, amanhã seremos nós os golpistas e racistas de nossa geração, sem contar a perda de referências históricas”, tuitou.

O filho de Jair Bolsonaro alerta para a vinda para o Brasil destes movimentos, como “quase tudo que ocorre nos EUA e europa”.

“Por lá estão deprendando monumentos dizendo que são figuras históricas racistas, proibindo exibição de filmes clássicos como “E o vento levou” ou mesmo contestando pessoas como Churchill, líder britânico da 2ªGM”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum