terça-feira, 22 set 2020
Publicidade

Ameaça: Joice Hasselmann anuncia que críticos a Moro terão “surpresa” nesta quinta-feira

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-RJ), ex-líder do governo Bolsonaro na Câmara dos Deputados e fiel escudeira do ex-ministro Sérgio Moro, anunciou nesta quinta-feira (30) uma “grande surpresa” ao comentar sobre a possibilidade de criação da CPI da Lava Jato.

“Aviso a tropa do PT, Centrão investigado e dos neófitos governistas que a tentativa de enterrar a Lava Jato, de criminalizar e até tentar prender Sérgio Moro e procuradores não vai prosperar com facilidade. Hoje mesmo vocês terão uma bela surpresa…”, escreveu a parlamentar no Twitter.

Após críticas do Procurador-Geral da República, Augusto Aras, à Lava Jato, o deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) anunciou, na quarta-feira (29), que vai pedir a instalação de uma CPI para apurar os “graves” fatos revelados pelo PGR.

Ainda na quarta-feira, o presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, defendeu que o Congresso Nacional defina um impedimento de 8 anos para juízes que decidam largar o magistério e concorrer a eleições. A medida ganhou o apoio de Rodrigo Maia.

Hasselmann enxergou a quarentena como uma forma de impedir que Moro concorra em 2022.

Lucas Rocha
Lucas Rocha
Jornalista da Sucursal do Rio de Janeiro da Fórum.