Após denúncia, Pazuello derruba plataforma que receitava “kit Covid” para tratamento precoce

Aplicativo estaria programado para receitar cloroquina, ivermectina e até antibióticos de forma quase automática

O Ministério da Saúde, chefiado por Eduardo Pazuello, decidiu derrubar a plataforma “TrateCov“, que receitava cloroquina e outros medicamentos, todos sem eficácia comprovada, para tratamento da Covid-19.

A decisão ocorreu após o deputado Marcelo Freixo (PSOL-RJ) acionar a Justiça Federal para derrubar o aplicativo. “Vencemos uma batalha importante e seguimos na luta pela vacina e pelo impeachment”, celebrou o parlamentar no Twitter.

Nas redes sociais, diversos usuários, incluindo profissionais de saúde e analistas de dados, denunciaram que o aplicativo estava formatado para recomendar o tratamento precoce com cloroquina e antibióticos de forma quase automática.

Apesar de ser direcionada a profissionais de saúde, o acesso à plataforma é livre e gratuito, sem a necessidade de realizar um login para ter acesso a uma receita.

Avatar de Luisa Fragão

Luisa Fragão

Jornalista.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR