Fórumcast, o podcast da Fórum
18 de janeiro de 2019, 16h17

“Após escândalo do clã, Moro deve estar pensando em voltar para casa”, diz Flávio Dino

“Eu tenho impressão que, nessa madrugada, Moro ficou olhando para o teto pensando em como voltar para Curitiba”, ironizou o governador do Maranhão

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

Por Brasil 247

“Após escândalo do clã, Moro deve estar pensando em voltar para casa”. A declaração é do governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), em entrevista exclusiva à TV 247, na manhã desta sexta-feira (18). Ele falou sobre o constrangimento do ministro da Justiça, às voltas com os esquemas escusos e irregularidades do governo, em especial o escândalo de Fabrício Queiroz, apontado como caixa do clã Bolsonaro.

Fórum terá um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

Dino acredita que, ao solicitar a paralisação das investigações sobre o esquema Queiroz-Bolsonaro ao STF, “Flávio assume participação nos eventos”. O governador do Maranhão foi juiz entre 1994 e 2006, quando deixou a magistratura para concorrer à Câmara dos Deputados – foi aprovado em primeiro lugar no mesmo concurso do qual participou Sérgio Moro.

“Eu tenho impressão que, nessa madrugada, Moro ficou olhando para o teto pensando em como voltar para Curitiba. Ele construiu uma imagem de combatente e inflexível no combate à corrupção”, ironizou.

Veja também:  Assista à fala de Lula sobre a Amazônia na COP-15, considerada um dos destaques da conferência

Confira matéria completa no Brasil 247

Agora que você chegou ao final deste texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum