Fórumcast, o podcast da Fórum
27 de março de 2018, 11h45

Assentados no Paraná aguardam volta de Lula para conquistar a reforma agrária

Novo vídeo gravado pelo colaborador da Fórum, Murilo Matias, conta um pouco da história de 600 famílias do acampamento Dom Tomás Balduínio; comitiva que está na caravana do ex-presidente foi visitar o local

Cerca de 600 famílias lutam pelo assentamento no acampamento Dom Tomás Balduino, no Paraná. Desde 2015, quando começou a ocupação, uma história de enfrentamento com a justiça e com os latifundiários tem marcado os lutadores sociais, inclusive com casos de assassinatos de líderes do movimento. Apesar da pressão, o MST estabelece sua presença em uma das regiões de maior concentração de terra do Brasil e busca importantes avanços no campo da reforma agrária. Parte da comitiva que está acompanhando a caravana de Lula pelo Sul do país visitou o local.

O colaborador da Fórum, Murilo Matias, que está acompanhando a caravana de Lula pelo Sul do país, entrevistou um dos assentados, chamado Marquinhos. “De uns tempos para cá nossa situação tem melhorado aqui no acampamento. Já conseguimos colher arroz e feijão para consumo das famílias. Isso sem a ajuda da prefeitura”. Questionado se aguarda a volta do ex-presidente Lula para, enfim, conquistar a reforma agrária, Marquinhos disse que “a reforma agrária é urgente no país”.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum