Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
11 de março de 2019, 09h21

Assessora de Flávio Bolsonaro que foi candidata repassou 59% de verba da campanha para o marido

Elisangela Machado dos Santos de Freitas, administradora do perfil República de Curitiba no Facebook, disputou uma vaga na Câmara como "Elisa Robson, a federal do Bolsonaro no DF". Derrotada, ela foi contratada pelo filho de Bolsonaro no Senado

Elisa Robson, do perfil República de Curitiba, com o procurador Deltan Dallagnol e com Jair Bolsonaro (Reprodução)

Reportagem de Daniel Carvalho, na edição desta segunda-feira (11) da Folha de S.Paulo, revela que a jornalista Elisangela Machado dos Santos de Freitas, administradora do perfil República de Curitiba no Facebook, repassou 59% da verba pública que recebeu para fazer a campanha para o cargo de deputada federal para o próprio marido. Derrotada, a jornalista foi contratada para trabalhar no gabinete do senador Flávio Bolsonaro (PSL/RJ).

Segundo a reportagem, a jornalista disputou uma vaga na Câmara Federal como Elisa Robson, pelo PRP do Distrito Federal. Administradora do perfil República de Curitiba, página simpática a Jair Bolsonaro, Elisa, que se apresentava nas redes como “a federal do Bolsonaro no DF”, recebeu R$ 25 mil do fundo criado para financiar campanhas políticas e sua maior despesa, R$ 14,9 mil (59% do total), foi com o próprio marido, o engenheiro Ronaldo Robson de Freitas.

A candidata obteve 11.638 votos (0,81% dos votos válidos). Pela declaração que consta na Justiça eleitoral, o analista da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) recebeu R$ 10 mil para “serviços de coordenação de campanha eleitoral”, R$ 4 mil para “locação de equipamento para gravação de vídeo” e outros R$ 900 para “serviço de divulgação de campanha”.

Após ser procurada pela reportagem, Elisa publicou no Facebook: “Explico: meu esposo gerenciou todo o trabalho que foi feito de comunicação nas redes sociais”.

Leia a reportagem na íntegra.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum