Fórum Educação
05 de dezembro de 2019, 15h43

Associação dos Funcionários Públicos de SP divulga nota de repúdio contra ataques de Mamãe Falei

Durante votação da reforma da previdência dos servidores paulistas, o parlamentar do MBL chamou os professores que protestavam nas galerias da Casa de “vagabundos”

Arthur do Val, o Mamãe Falei - Foto: Reprodução

A Associação dos Funcionários Públicos do Estado de São Paulo (AFPESP) divulgou, nesta quinta-feira (5), uma nota de repúdio em relação ao comportamento do deputado estadual Arthur do Val, conhecido como Mamãe Falei.

Durante a votação da reforma da previdência dos servidores paulistas, na quarta (4), o parlamentar do MBL chamou os professores que protestavam nas galerias da Casa de “vagabundos” e provocou uma grande briga.

Não é sócio Fórum? Quer ganhar 3 livros? Então clica aqui.

O mesmo adjetivo já foi usado por Mamãe Falei para se referir a colegas de Alesp. Este foi um dos motivos que o fizeram ser expulso do DEM em novembro.

Veja a íntegra da nota:

A Associação dos Funcionários Públicos do Estado de São Paulo (AFPESP) repudia com indignação os insultos dirigidos pelo excelentíssimo deputado estadual Arthur do Val a parlamentares, lideranças atuantes na defesa dos direitos da categoria e servidores do plenário.

É inadmissível que um deputado use o espaço que lhe é concedido na casa do povo para insultar colegas e servidores públicos.

A AFPESP também lamenta profundamente que a Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo seja palco de episódios como o ocorrido ontem (4/12), no qual os deputados não mantiveram a postura que se espera de um representante da sociedade.

A AFPESP espera que o importante debate sobre a PEC da Reforma da Previdência dos servidores públicos paulistas dê-se de maneira republicana, produtiva e respeitosa às instituições e à sociedade.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum