“Auditor de Bolsonaro” do TCU é filho de colega do presidente que ganhou cargo na Petrobras

Ricardo Silva Marques se formou na AMAN em 1977, mesmo ano em que Bolsonaro se graduou na academia. Em 2019, ainda na ativa, ganhou o cargo na gerência executiva de Inteligência e Segurança Corporativa da Petrobras

Pai de Alexandre Figueiredo Costa Silva Marques, auditor que produziu o relatório fake do Tribunal de Contas da União (TCU), o coronel reformado Ricardo Silva Marques foi colega de Jair Bolsonaro (Sem Partido) na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN) e ganhou do governo um cargo na gerência de inteligência da Petrobras.

Segundo reportagem do site Metrópoles, o coronel é apontado pelo próprio filho como responsável pelo vazamento do documento, que deu suporte para Bolsonaro falar que o número de mortos pela Covid-19 seria a metade do que foi divulgado pelo próprio Ministério da Saúde em 2020.

Ricardo Silva Marques se formou na AMAN em 1977, mesmo ano em que o presidente se graduou na academia. Em 2019, ainda na ativa, ganhou o cargo na gerência executiva de Inteligência e Segurança Corporativa da Petrobras. No ano passado, Marques foi para a reserva.

Também em 2019, Alexandre Marques, que é amigo dos filhos de Jair Bolsonaro, foi indicado para uma diretoria do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

O nome do auditor, no entanto, foi barrado pelo próprio TCU, que apontou conflito de interesse, uma vez que o BNDES é um dos órgãos fiscalizados pelo tribunal de contas.

Afastamento
Nesta quarta-feira (9), Alexandre Marques foi afastado por 60 dias de suas funções pela presidente do TCU, ministra Ana Arraes, que pediu a instauração de um processo administrativo disciplinar contra o servidor. Ela também informou que pedirá à Polícia Federal que abra inquérito para apurar a conduta do auditor.

Com a decisão, o servidor ficará impedido de entrar no prédio do TCU e de ter acesso aos sistemas internos de processos da Corte.

Tags:

Avatar de Plinio Teodoro

Plinio Teodoro

Jornalista, editor de Política da Fórum, especialista em comunicação e relações humanas.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR