Barroso cobra que Bolsonaro prove “fraude eleitoral”; presidente responde com ataques

"Eu tenho a convicção de que realmente tem fraude", disse o mandatário, sem comprovar

O presidente Jair Bolsonaro voltou a atacar o ministro Luís Roberto Barroso, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), durante live realizada nesta quinta-feira (17), horas após o magistrado cobrar que o presidente apresentasse provas sobre a suposta fraude que ele alega ter ocorrido nas eleições de 2018.

“Nunca houve fraude documentada. Jamais. Apenas o pedido de auditoria solicitado pelo então candidato Aécio Neves e que não se apurou impropriedade porque não há. Se o presidente da República ou qualquer pessoa tiver provas [de fraude] tem o dever cívico de entregá-la ao Tribunal e estou com as portas abertas”, disse Barroso à CNN Brasil nesta quinta.

“O resto é retórica política, são palavras que o vento leva”, completou o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF).

Horas depois, Bolsonaro contra-atacou. “Eu tenho a convicção de que realmente tem fraude. As informações que nós tivemos aqui é que em 2014 o Aécio [Neves] ganhou as eleições, em 2018 eu ganhei no primeiro turno”, declarou, sem apresentar provas.

“Barroso, se promulgar a PEC, termos eleições com voto auditável sim, e ponto final. Respeito ao Parlamento brasileiro. Acha que uma canetada dele não vai deixar? Vai ter sim, Barroso. Senão podemos ter um problema seríssimo, pode um lado ou outro não aceitar e criar uma convulsão no Brasil”, disparou o presidente.

Bolsonaro ainda insinuou que o magistrado trabalha para que Lula volta à presidência e que ele “não tem zelo pela família tradicional”. “Nada contra quem quer ter uma vida diferente, mas obrigar que todos tenham um comportamento dessa natureza não está certo”, declarou.

Avatar de Lucas Rocha

Lucas Rocha

Lucas Rocha é formado em jornalismo pela Escola de Comunicação da UFRJ e cursa mestrado em Políticas Públicas na FLACSO Brasil. Carioca, apaixonado por carnaval e latino-americanista convicto, é repórter da sucursal do Rio de Janeiro da Revista Fórum e apresentador do programa Fórum América Latina

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR