Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
26 de julho de 2018, 08h04

Bernie Sanders e mais 29 congressistas dos EUA pedem Lula Livre e apuração do caso Marielle

Em carta ao governo brasileiro, o grupo destaca “acusações não comprovadas” na prisão do ex-presidente Lula em um julgamento “altamente questionável e politizado”

Foto: Gage Skidmore

O senador Bernie Sanders, que foi pré-candidato à presidência dos Estados Unidos em 2016, junto com um grupo de 29 congressistas americanos, vai enviar nesta quinta-feira (26), ao governo brasileiro, uma carta em que denuncia a “intensificação do ataque à democracia e aos direitos humanos no Brasil” e pede providências.

O documento destaca a prisão do ex-presidente Lula, em função do que afirma serem “acusações não comprovadas” em um julgamento “altamente questionável e politizado”, e também a morte da vereadora e ativista Marielle Franco, no Rio de Janeiro.

O grupo considera que os dois fatos demonstram uma vigente “ameaça à democracia no Brasil”, segundo afirmou à Folha o deputado Mark Pocan, democrata de Wisconsin e líder da iniciativa.

Lula é chamado no documento de “o principal candidato presidencial” para as eleições de outubro. Os deputados pedem que ele responda ao processo em liberdade, e afirmam que “a luta contra a corrupção não deve ser usada para justificar a perseguição de opositores políticos ou negar-lhes o direito de participar livremente das eleições”.

A carta pede também uma investigação internacional independente sobre o assassinato de Marielle. “Evidências críveis sugerem que membros das forças de segurança do Estado podem estar implicados no crime”, afirmam os congressistas.

O documento ainda chama o governo do presidente Michel Temer (MDB) de “extrema direita”, e critica o corte de gastos da gestão e a mudança das leis trabalhistas.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum