Fórumcast, o podcast da Fórum
31 de julho de 2019, 07h06

Blogueiro de Bolsonaro sugere que Rodrigo Maia pode estar por trás de hacker de Araraquara

Criador de fake news desde a campanha de Bolsonaro, Allan dos Santos criticou Maia por defender Glenn Greenwald. Blogueiro é o mesmo que disse que jornalista do Intercept foi internado por uso de cocaína

Bolsonaro e Rodrigo Maia. Foto: Carolina Antunes/PR

O blogueiro Allan dos Santos, do Terça Livre, fez uma publicação no Twitter na noite desta terça-feira (30) relacionando o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), com o suposto hackeamento do ministro da Justiça, Sergio Moro, após o político do DEM sair em defesa de Glenn Greenwald e da Vaza Jato.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

Doutrinado por Olavo de Carvalho, Santos é reconhecido por lançar fake news contra adversários políticos do clã Bolsonaro desde à época da eleição.

“O hacker NÃO INVADIU o celular do Nhônho (aka Rodrigo Maia). Ele, Nhônho, sai em defesa de Glenn Greenwald e o hacker era do DEM. Interessante, né?!”, publicou Santos em sua rede social, referindo-se ao deputado com o nome do personagem do seriado infantil Chaves.

A declaração de Maia que deixou o blogueiro descontente foi dada em vídeo gravado para ato em apoio ao jornalista Glenn Greenwald, realizado na ABI na segunda-feira. “O sigilo da fonte é um direito democrático. Não é a favor do Glenn, mas é a favor da nossa liberdade de expressão”, disse Maia.

Santos se envolveu em uma polêmica recente ao publicar no seu site, o Terça Livre, a fake news de que Glenn Greenwald havia passsado por  internação por uso de cocaína.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum