Bolsonarista, Oswaldo Eustáquio volta para cadeia depois de benzer tornozeleira

O ministro Alexandre de Moraes determinou a prisão do blogueiro, cumprida nesta sexta-feira

O blogueiro bolsonarista Oswaldo Eustáquio foi preso na tarde desta sexta-feira (18) em Brasília após determinação do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal. Eustáquio havia desrespeitado as regras de prisão domiciliar.

“Após sucessivas oportunidades concedidas ao investigado, ele continuou a insistir na prática dos mesmos atos que lhe foram anteriormente vedados por expressa determinação da Justiça, situação que revela a inutilidade das medidas cautelares impostas, bem como a própria ineficácia da prisão domiciliar, haja vista que Oswaldo Eustáquio Fillho, ao invés de permanecer no interior da sua residência cumprindo o que lhe fora determinado, continuou circulando livremente além do limite permitido”, disse Moraes em decisão.

No último dia 15, o blogueiro deixou a prisão domiciliar para tentar uma audiência com Damares Alves, no Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. Ele não foi recebido, mas ficou por quatro horas no prédio, até ser atendido pela ouvidoria.

Na noite de quinta-feira, o perfil de Eustáquio no Twitter publicou uma foto de um pastor benzendo a tornozeleira do blogueiro. Ele foi preso em menos de 24h após a unção.

Avatar de Lucas Rocha

Lucas Rocha

Lucas Rocha é formado em jornalismo pela Escola de Comunicação da UFRJ e cursa mestrado em Políticas Públicas na FLACSO Brasil. Carioca, apaixonado por carnaval e pela América Latina, é repórter da sucursal do Rio de Janeiro da Revista Fórum e apresentador do programa Fórum Global

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR