O que o brasileiro pensa?
29 de junho de 2020, 09h34

Bolsonarista recebeu auxílio emergencial indevido e ainda tentou censurar reportagem

Ana Paula Brocco, que já foi para Paris e está de casamento marcado no Caribe, conseguiu liminar que impedia publicação de seu nome. A liminar foi cassada e seu nome está em todo o Brasil

Foto: Redes Sociais

A bolsonarista Ana Paula Brocco já viajou por vários países e está de casamento marcado no Caribe. Mesmo assim, ela conseguiu receber o auxílio emergencial de R$ 600,00 do governo. Ela foi descoberta pela reportagem da RBS TV, que trata da concessão irregular do abono emergencial, que foi veiculada pelo Fantástico, da Rede Globo.

Mesmo assim, ela conseguiu com o juiz Daniel da Silva, da comarca de Espumoso, no Norte do estado, no último dia 15, uma liminar que impedia “publicar”, “vincular” ou trazer à tona matérias que envolvessem o nome Ana Paula Brocco.

Ana Paula Brocco faz arminha

A liminar foi suspensa pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, na noite de sexta-feira (26), pois se tratava de censura prévia, o que é proibido pela Constituição Federal. A decisão é da desembargadora Maria Isabel de Azevedo Souza, da 19ª Câmara Cível do TJ-RS.

O programa Fantástico, da TV Globo, apresentou a reportagem neste domingo (28), revelando que 620 mil pessoas receberam o auxílio emergencial do governo sem ter direito, segundo dados do Tribunal de Contas da União (TCU). Ana Paula é uma delas.

Ainda de acordo com o TCU, os pagamentos ilegais podem gerar um prejuízo de mais de R$ 1 bilhão aos cofres públicos, caso não sejam interrompidos.

Em nota, entidades e associações de imprensa repudiaram a censura prévia e disseram ainda que a decisão privilegia o interesse individual em detrimento do direito da coletividade. E que as matérias jornalísticas investigativas são serviço indispensável à população.

Com informações do G1


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum