quarta-feira, 23 set 2020
Publicidade

Bolsonaro anuncia pelo Twitter que vai apresentar projeto para favorecer quem toma multas no trânsito

O presidente Jair Bolsonaro anunciou neste domingo (2), através de sua conta do Twitter, que vai ampliar de 20 para 40 anos o limite de pontos nas multas para suspender a Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Além disso, Bolsonaro disse ainda que vai dobrar a validade da CNH, que hoje precisa ser renovada de cinco em cinco anos.

Nessa semana apresentarei projeto de lei para: 1 – Passar de 5 para 10 anos a validade da Carteira de Habilitação; 2 – Passar de 20 para 40 pontos o limite para perder a CNH.

Radares

Há cerca de uma semana, Bolsonaro informou que pretende “acabar” com os radares móveis (pardais) em rodovias federais. O capitão da reserva disse que quer acabar com o número de acidentes de trânsito e que, para isso, tomará uma “atitude ousada”: vai engavetar o pedido de oito mil novos radares em rodovias federais.

Para o presidente, os radares não são necessários pois não há locais de risco e quem sofre acidentes são “otários”.

Família campeã de multas

Boa parte da família Bolsonaro, ou seja, Jair, três de seus filhos e sua esposa, Michelle, soma 44 multas de trânsito nos últimos cinco anos, conforme indicam registros do Departamento de Trânsito do Rio de Janeiro (Detran-RJ).

As piores situações são de Michelle e Flávio Bolsonaro, que cometeram infrações que superam o limite de 20 pontos permitido por lei para o período de um ano. O fato pode ter como consequência a suspensão da carteira de habilitação. Ambos são os que mais colecionam pontos ao longo de cinco anos, com 41 e 39 pontos, respectivamente.

 

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.