Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
22 de janeiro de 2020, 11h35

Bolsonaro cria fake news sobre processo judicial para evitar jornalistas

A Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), citada por Bolsonaro, afirmou que não é autora de processo algum contra o presidente

Jair Bolsonaro - Foto: Reprodução/Twitter

O presidente Jair Bolsonaro afirmou na manhã desta quarta-feira (22) que não dará mais entrevistas aos jornalistas em razão de processos que estaria sofrendo por atacar a mídia. No entanto, não há registro de ações judiciais contra ele nesse quesito.

“Manda tirar o processo que eu volto a conversar!”, declarou o presidente ao deixar o Palácio da Alvorada. “Eu quero falar com vocês, mas a associação nacional de jornalismo diz que quando eu falo eu agrido vocês. Então, como sou uma pessoa da paz, não vou dar entrevista”, ironizou.
Bolsonaro citou o levantamento feito pela Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), que revelou que ele foi o responsável por 121 dos 208 ataques contra veículos de comunicação e jornalistas, o que representa 58% do total. No entanto, a Fenaj informou ao UOL que não é autora de processo algum contra o presidente.
A ABI (Associação Brasileira de Imprensa), outra entidade representativa da categoria, também afirmou que, até então, não há registro recente de ação judicial. O último processo contra o presidente teria sido uma ação popular de dezembro, que não prosperou, sobre o boicote do Planalto ao jornal Folha de S.Paulo.
Na noite do domingo (19), Bolsonaro ironizou o levantamento, publicando uma imagem de reportagem sobre o assundo com uma longa gargalhada: “KKKKKKKKKKKKKKK”.

Ele ainda pegou o comentário de um apoiador e escreveu: “Pegaram o QI médio da galera da imprensa. Deu 58”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum