Bolsonaro defende arquivamento de inquérito: “Nunca interferi nos trabalhos da Polícia Federal”

O presidente, que visitou a PGR e militares nesta segunda, afirmou que é momento de "todos se unirem"

O presidente Jair Bolsonaro divulgou uma nota nesta segunda-feira (25) afirmando que deve ser arquivado o arquivamento do inquérito que investiga suposta tentativa de intervenção do ex-capitão na Polícia Federal.

“Por questão de Justiça, acredito no arquivamento natural do Inquérito que motivou a divulgação do vídeo. Reafirmo meu compromisso e respeito com a Democracia e membros dos Poderes Legislativo e Judiciário”, declarou o presidente.

“Nunca interferi nos trabalhos da Polícia Federal. São levianas todas as afirmações em sentido contrário. Os depoimentos de inúmeros delegados federais ouvidos confirmam que nunca solicitei informações a qualquer um deles. Espero responsabilidade e serenidade no trato do assunto”, disse ainda.

Bolsonaro prega também a harmonia entre as instituições e crê que é momento de “todos se unirem”. Nesta segunda, o presidente visitou de surpresa a Procuradoria-Geral da República, responsável pelo inquérito, e tirou foto com o procurador Augusto Aras.

O ex-capitão ainda teve um encontro fora da agenda com a cúpula das Forças Armadas. O conteúdo do encontro não foi revelado. Participaram o ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva; o comandante da Marinha, almirante de esquadra Ilques Barbosa Júnior; o comandante do Exército, General de Exército Edson Leal Pujol, e o comandante da Força Aérea, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermúdez.

Vale lembrar que o encontro com militares vem em meio ao flerte autoritário do ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno, que na sexta-feira (22) divulgou uma nota ameaçadora se colocando contra a apreensão do celular do presidente.

Com informações do G1

Avatar de Lucas Rocha

Lucas Rocha

Lucas Rocha é formado em jornalismo pela Escola de Comunicação da UFRJ e cursa mestrado em Políticas Públicas na FLACSO Brasil. Carioca, apaixonado por carnaval e latino-americanista convicto, é repórter da sucursal do Rio de Janeiro da Revista Fórum e apresentador do programa Fórum América Latina

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR