Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
12 de fevereiro de 2020, 08h47

Bolsonaro divulga vídeo do JN e ataca Globo: “Jornalismo envergonhado”

Presidente usou reportagem do jornal sobre o caso Marielle Franco para novamente atacar a imprensa e acusá-la de perseguição

Foto: Reprodução/Facebook

O presidente Jair Bolsonaro publicou uma reportagem do Jornal Nacional, da TV Globo, em suas redes sociais nesta quarta-feira (12) como nova tentativa de atacar a imprensa e acusá-la de perseguição. No vídeo, o apresentador William Bonner relata a conclusão da Polícia Civil do Rio de que a voz que liberou a entrada de Élcio de Queiroz no condomínio Vivendas da Barra não é a do porteiro que citou Bolsonaro em depoimento.

“Jornalismo envergonhado: a voz, segundo a perícia, também não é a do porteiro. A tentativa de associar Jair Bolsonaro à morte da Marielle, é mais um escândalo da TV Globo, associado ao que há de mais sujo na investigação feita pelo Governo do RJ”, escreveu no Twitter.

De acordo com o documento da perícia, a voz que autorizou o ex-PM é do policial reformado Ronnie Lessa. Ambos estão presos sob acusação de terem cometido o assassinato da vereadora e do motorista Anderson Gomes no dia 14 de março de 2018. O Ministério Público do Rio já havia feito uma análise da gravação e também afirmava, antes mesmo da perícia, que a autorização para a entrada de Élcio de Queiroz no condomínio Vivendas da Barra, mesmo lugar onde Bolsonaro tem casa, fora dada por Lessa.

No tuíte, o presidente também aproveitou para atacar o governo do Rio de Janeiro, de Wilson Witzel (PSC). No ano passado, Bolsonaro entrou em uma briga com o governador e o acusou de interferir nas investigações do Ministério Público sobre o esquema de rachadinhas na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj).

Desde então, os dois têm trocado farpas. Witzel agora tem realizado intensa atividade política que inclui reuniões com ex-aliados de Bolsonaro. A agenda faz parte das articulações para as eleições de 2020 e pode levar o governador do Rio a cooptar parte do bolsonarismo para derrotar os aliados do atual presidente.

Confira:


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum