Bolsonaro divulga vídeo e reafirma que Brasil deve liberdade aos militares

Em meio às inúmeras polêmicas de seu governo, o presidente anuncia que vai postar uma live todas as quintas-feiras, às 18h30, em sua página no Facebook para debater os temas da semana

Jair Bolsonaro voltou a polemizar sobre o papel das Forças Armadas na manutenção da democracia. Em um vídeo divulgado nas redes sociais, no início da noite desta quinta-feira (7), o presidente repetiu o que disse pela manhã em um evento de fuzileiros navais, quando disse, em discurso, que a democracia só existe quando as Forças Armadas permitem, no que foi amplamente desmentido.

No vídeo, Bolsonaro aparece ao lado do porta-voz do governo, general Otávio Rêgo Barros, e do general Augusto Heleno, ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI). Ele tentou minimizar a declaração polêmica.

“No Brasil nós devemos às Forças Armadas a nossa democracia e a nossa liberdade, e assim é em todo lugar do mundo. Essa fala já começou a levar para o lado das mais variadas interpretações possíveis”, afirmou, questionando o general Heleno se há alguma polêmica nesse caso.

“Tentaram distorcer”

Heleno confirmou que não vê polêmica e destacou o que disse Bolsonaro, acrescentando que as Forças Armadas são “guardiãs da democracia e da liberdade”.

“Tentaram distorcer isso como se fosse um presente dos militares aos civis. Não é nada disso. As Forças Armadas são, por determinação constitucional e legal, os detentores do emprego legal da violência. Pode chocar alguns, mas é isso o que está escrito”, acrescentou.

Assistam ao vídeo:

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.

Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.