Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
28 de janeiro de 2020, 10h22

Bolsonaro diz que vai remanejar assessor de Onyx que usou avião da FAB em viagem à Índia

"O cargo já está perdido, mas vamos conversar com o Onyx", afirmou o presidente

Embraer-190 da FAB usado como reserva em viagens presidenciais (Sgt Johnson - 17.ago.2017/Força Aérea Brasileira/Flickr)

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta terça-feira (28) que vai exonerar Vicente Santini, assessor do ministro Onyx Lorenzoni, da Casa Civil, por ter viajado à Índia com um avião da Força Aérea Brasileira (FAB). Bolsonaro, no entanto, deve remanejar Santini para outra área em seu governo.

“Inadmissível o que aconteceu. Já está exonerado do cargo de assessor do Onyx da Casa Civil. O cargo já está perdido, mas vamos conversar com o Onyx”, afirmou o presidente, na saída do Palácio da Alvorada.

Com Onyx Lorenzoni de férias, Santini ocupava a condição de ministro em exercício. Ele chegou à Índia no último sábado (25), depois de participar do Fórum Econômico Mundial em Davos, na Suíça. O presidente, no entanto, ficou incomodado com o uso da aeronave por apenas três pessoas – Santini estava acompanhado de uma secretária e outra assessora.

“O que ele fez não é ilegal, mas é completamente imoral. Ministros antigos foram de avião comercial, classe econômica. Eu mesmo já viajei”, comentou Bolsonaro.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum