sexta-feira, 25 set 2020
Publicidade

Bolsonaro entrega camiseta do Flamengo ao presidente chinês: “O futebol nos une a todos”

O presidente Jair Bolsonaro parece ter perdido a ojeriza à bandeira vermelha. Nesta quinta-feira (25), em visita oficial a China, o capitão da reserva participou de solenidades com fortes simbologias e não se incomodou em desfilar em meio às bandeiras vermelhas e soldados do país governado há 70 anos pelo partido comunista.

Nesta sexta-feira (26), Bolsonaro divulgou em seu Twitter um vídeo com um compilado de cenas dessas solenidades e, em uma delas, aparece entregando uma camiseta do Flamengo ao presidente chinês, Xi Jiping, secretário-geral do Partido Comunista. “O esporte, em especial o futebol, nos une a todos (sic). E nós temos uma grande competição na América do Sul, e agora o Brasil todo é Flamengo. Com toda a certeza 1 bilhão e 300 milhões de chineses também serão Flamengo no final do mês que vem. Tô entregando uma camisa do melhor time brasileiro no momento”, disse o presidente brasileiro, repetindo o gesto que fez com Donald Trump ao presenteá-lo com uma camiseta da seleção brasileira.

China capitalista 

Mais cedo, antes de encontrar o presidente da China, ao falar com a imprensa brasileira, Bolsonaro disse que não tinha nenhum constrangimento ao ser questionado por repórteres sobre seu encontro com um líder comunista. O presidente justificou que estava em um “país capitalista”.

No início deste mês de outubro, a China comemorou 70 anos da revolução comunista, iniciada por Mao Tsé Tung.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.