Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
18 de dezembro de 2019, 12h26

“Bolsonaro impopular, mas favorito”: título do Estadão vira piada na internet

Diante do título contraditório, a internet não perdoou. Veja alguns comentários aqui

Foto: Reprodução/Facebook

A colunista do jornal O Estado de S. Paulo, Vera Magalhães, foi parar entre os assuntos mais comentados do Twitter, na manhã desta quarta-feira (18), por conta do título de seu texto, que diz: “Bolsonaro fecha 2019 impopular, mas também como favorito para 2022”.

Diante do título contraditório, a internet não perdoou. Vários posts passaram a tentar explicações e a frase virou troça, sobretudo nas hostes bolsonaristas. Até mesmo o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) se manifestou sobre o assunto: “Sente falta de Dilma e seu brilhantismo, pérolas como “Não acho que quem ganhar ou quem perder, quem ganhar ou perder, vai ganhar ou perder”? Seus problemas acabaram, o jornalismo playmobil de Vera Magalhães mata essa saudade!”.

No texto, a jornalista afirma que Jair Bolsonaro é o “presidente com a menor base parlamentar desde a redemocratização. Por isso, recordista em vetos derrubados, medidas provisórias caducadas e decretos derrotados. Mas também, apesar disso, o único que conseguiu aprovar uma reforma da Previdência em dez meses”.

Para ela, “ao mesmo tempo que aumenta a rejeição graças a uma série de posturas, ações e declarações voltadas contra minorias, chefes de Estados de outros países, a esquerda e quem mais chegar, o presidente fideliza um clube de convertidos graças justamente a essas mesmas razões”.

Veja algumas reações abaixo:

https://publish.twitter.com/?query=https%3A%2F%2Ftwitter.com%2Fjorgetadeu7%2Fstatus%2F1207306882949558274&widget=Tweet

 

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum