sexta-feira, 25 set 2020
Publicidade

Bolsonaro retorna ao Brasil para fazer andar a reforma da Previdência

Por Pedro Moreira, de Jerusalém, especial para a Fórum

O presidente Jair Bolsonaro disse, nesta terça-feira (2), que vai se reunir com líderes partidários na quinta-feira (4), dia em que retorna da viagem oficial à Israel.

“A gente vai chegar na manhã de quinta-feira, vou tomar um banho e vou para o Planalto. Tenho várias audiências na quinta-feira”, disse ao ser perguntado sobre a tramitação da reforma da Previdência.

A Fórum está fazendo uma cobertura exclusiva da viagem do presidente Jair Bolsonaro a Israel e precisa do seu apoio. Clique aqui e saiba como ajudar

Bolsonaro foi perguntado, ainda, sobre a postagem no perfil dele no Twitter no último sábado (30), em que falou sobre redução de impostos das empresa, que seriam compensados com a tributação de imposto de renda dos acionistas, referente aos lucros, hoje inexistente.

“Está em estudo por parte da equipe econômica. Não tem data ainda não. Esse estudo é da equipe econômica, a exemplo do que o Trump fez nos Estados Unidos ao reduzir impostos ele catapultou a economia. Essa que é a intenção da equipe econômica, tá estudando essa possibilidade.”

Sobre quais países árabes pretende visitar no norte da África, disse que “não tá definido ainda. Temos vários convites.”

O presidente brasileiro chegou a cancelar uma agenda que ainda tinha em Israel na quarta-feira (3) para agilizar sua volta ao Brasil com o intuito de se reunir com congressistas para agilizar a tramitação da reforma da Previdência. Na segunda-feira (1), disse a jornalistas que “têm sugestões” para a proposta, mas que a palavra final cabe ao Congresso. Ele afirmou ainda que espera que o projeto seja aprovado sem sofrer “desidratação” no texto.

A Fórum está fazendo uma cobertura exclusiva da viagem do presidente Jair Bolsonaro a Israel e precisa do seu apoio. Clique aqui e saiba como ajudar

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.