Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
12 de fevereiro de 2020, 13h38

Bolsonaro ri do fim da carteira de estudante sem saber se vai implantar a digital

Prazo para implantação caduca no domingo e não deve passar no Congresso

Foto: Reprodução

O vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ) compartilhou trecho de vídeo do pai, o presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido-RJ), nesta quarta-feira (12), onde ele afirma que, com a carteira digital, os estudantes “não terão que pagar mais para a UNE, que quem manda lá é o PCdoB”.

“Vai faltar dinheiro no PCdoB. Vão ter que arranjar dinheiro noutro lugar”, disse ainda Bolsonaro.

As piadas do pai divulgadas pelo Carluxo, no entanto, devem naufragar. Apesar do ministro da Educação, Abraham Weintraub, ter torrado R$ 2,5 milhões em publicidade para divulgar a carteirinha estudantil digital, valor que corresponde a 40,3% do orçamento da União Nacional dos Estudantes (UNE) em 2019, o projeto deve caducar no Congresso.

A investimento de Weintraub na divulgação da carteirinha foi o terceiro maior gasto publicitário do Ministério da Educação em 2019. Contudo, o prazo para o ID estudantil ser aprovado por deputados e senadores acaba já neste domingo (16).

O ID estudantil foi visto como um ataque direto às entidades estudantis, em especial à UNE, cujo orçamento vem majoritariamente da produção das carteirinhas que garantem a meia entrada.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum