O que o brasileiro pensa?
02 de julho de 2020, 16h22

Bolsonaro rompe silêncio sobre Decotelli e diz que pode anunciar novo ministro nesta quinta

"Deu problema com o Decotelli", afirmou o presidente após dizer que a educação no Brasil está "horrível"

Weintraub, Bolsonaro e Decotelli (Reprodução)

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta quinta-feira (2) que pode divulgar o nome o novo ministro da Educação nas próximas 24h. O presidente ainda rompeu o silêncio sobre a demissão de Carlos Alberto Decotelli, que teve nomeação suspensa na quarta-feira.

“Está definhando? A educação está horrível no Brasil”, disse Bolsonaro a apoiadores que se aglomeravam no cercadinho do Palácio da Alvorada. “Talvez escolha hoje o ministro da Educação. Deu problema com o Decotelli”, completou.

A declaração é a primeira do presidente sobre o MEC desde que o ex-ministro Carlos Alberto Decotelli pediu demissão. Bolsonaro vinha mantendo silêncio sobre o tema.

O ex-capitão teria ficado “irritado” com os questionamentos sobre a trajetória acadêmica do ministro indicado pela ala militar como um “técnico”. O “desmanche” no currículo ocorreu após notas publicadas por universidades internacionais e pela Fundação Getúlio Vargas – pivô da quedaPesquisadores ainda apontam indícios de plágio na dissertação de mestrado do ex-ministro.

Na terça-feira, o presidente participou de uma cerimônia logo após a reunião em que Decotelli apresentou carta de demissão. Na ocasião, o presidente elogiou os 23 ministros, mas não citou a queda do chefe do MEC.

Com informações da Carta Capital


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum