Fórumcast, o podcast da Fórum
04 de janeiro de 2019, 14h56

Bolsonaro sanciona lei que permite a aluno faltar em dia de “guarda religiosa”

A lei afirma que o estudante de qualquer nível — infantil, fundamental, médio e superior —​ terá direito a "alternativas à aplicação de provas e à frequência a aulas realizadas em dia de guarda religiosa".

Foto:: Agência Brasil

Reportagem de Nathan Lopes, na edição desta sexta-feira (4) da Folha de S.Paulo, informa que Jair Bolsonaro (PSL) sancionou alteração na Lei de Diretrizes e Bases da Educação para permitir que alunos faltem às aulas em dia de “guarda religiosa”.

A lei, publicada na edição desta sexta-feira (4) do DOU (Diário Oficial da União), afirma que o estudante de qualquer nível — infantil, fundamental, médio e superior —​ terá direito a “alternativas à aplicação de provas e à frequência a aulas realizadas em dia de guarda religiosa”.

Fórum terá um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

A lei, que passa a vigorar a partir de março, estabelece que o aluno deverá apresentar um requerimento prévio para informar a ausência. O texto, porém, não especifica quantos dias antes o documento precisa ser apresentado.

Para compensar a falta e a prova, a instituição precisará disponibilizar uma nova data para realização da atividade por aquele aluno no turno em que ele frequenta as aulas ou em um período a ser agendado.

Veja também:  Bolsonarista vira meme ao dizer que Nasa tirou foto da Amazônia com drone

Agora que você chegou ao final deste texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum