O que o brasileiro pensa?
13 de maio de 2020, 15h54

Bolsonaro usou os nomes “Rafael” e “Airton” em exames de coronavírus

O resultado dos testes com os codinomes deu negativo

Jair Bolsonaro - Foto: Alan Santos/PR

Os exames de coronavírus do presidente Jair Bolsonaro que tiveram publicidade determinada pelo ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), nesta quarta-feira (13) foram feitos com codinomes.

O ex-capitão se identificou como “Airton Guedes” e “Rafael Augusto Alves da Costa Ferraz” em dois dos exames que teriam dado negativo para a Covid-19. Em um terceiro ele aparece como “Paciente 05”.

O que permite comprovar que o exame é, de fato, do ex-capitão são os dados de CPF, RG e data de nascimento fornecidos por Bolsonaro.

O nome “Airton Guedes” foi parar nos assuntos mais comentados do momento no Twitter, com diversas especulações sobre a escolha do codinome.

Nesta quarta-feira, Lewandowski decidiu que os exames devem ser tornados públicos, contrariando o presidente – que dizia que isso seria invasão de privacidade.

“Determino a juntada aos autos eletrônicos de todos os laudos e documentos entregues pela União em meu gabinete, aos quais se dará ampla publicidade”, diz trecho da decisão.

Confira aqui os exames do presidente, obtidos pelo Estado de S. Paulo


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum