Fórum Educação
22 de Maio de 2020, 12h36

Após 18 dias, médico pede exoneração do Ministério da Saúde por ser contra protocolo de cloroquina

Antonio Carlos Campos de Carvalho disse que deixaria o cargo por considerar precipitada a mudança de protocolo no uso da cloroquina

Há apenas 18 dias no cargo, o médico Antonio Carlos Campos de Carvalho pediu exoneração da direção da secretaria de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde do Ministério da Saúde por não concordar com o protocolo que liberou o uso de cloroquina em pacientes com primeiros sintomas de coronavírus.

A exoneração foi publicada na edição da madrugada desta sexta-feira (22) do “Diário Oficial da União”. A exoneração aconteceu “a pedido”, segundo decreto assinado pelo Ministro da Casa Civil, general Walter Souza Braga Netto.

O setor que Carvalho chefiava é responsável, segundo o site do Ministério da Saúde, pelo o desenvolvimento da capacidade científica, tecnológica e produtiva nacional para o fortalecimento do Sistema Único de Saúde.

Em entrevista ao jornal “Folha de S. Paulo”, o então secretario disse que deixaria o cargo por considerar precipitada a mudança de protocolo no uso da cloroquina.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum