Após atacar presidente da OAB, Bolsonaro diz que não falou “nada de mais” sobre morte de Santa Cruz

“Lamento todas as mortes que tiveram dos dois lados, se não tivesse aquela vontade de implantar o comunismo no Brasil não teria nada disso”, declarou o presidente

Jair Bolsonaro não se sensibilizou com as inúmeras críticas que recebeu depois de atacar o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz. Ele declarou, nesta sexta-feira (2), que não falou “nada de mais” sobre a morte do militante Fernando Santa Cruz, pai de Felipe.

O presidente foi além e afirmou, ainda, que não viu ofensa em sua declaração.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo.

No início da semana, Bolsonaro criticou a atuação da OAB na investigação sobre o atentado a faca que sofreu durante a campanha de 2018. Sem motivo, disse que um dia revelaria a Felipe como o pai morreu, e que o presidente da OAB não desejaria saber a verdade.

A declaração provocou revolta geral. Não satisfeito, no mesmo dia, Bolsonaro afirmou que Fernando foi assassinado pelo grupo de esquerda Ação Popular (AP), informação que não procede.

Documentos oficiais e investigações da Comissão Nacional da Verdade (CNV) provam que o pai do presidente da OAB foi assassinado pelo Estado, durante a ditadura militar.

“O que que eu falei de mais para vocês? Me respondam. O que eu tive conhecimento na época. Eu ofendi o pai dele? Não ofendi o pai dele. O que eu tive conhecimento na época, o assunto foi esse”, declarou Bolsonaro.

Esclarecimentos

Em relação a prestar esclarecimentos ao Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o assunto, convidado que foi pelo ministro Luís Roberto Barros, ele disse: “Eu não tenho essa obrigação, agora, é só transcrever o que eu falei para vocês (jornalistas) aqui”, respondeu.

“Mesmo eu não sendo obrigado, eu presto. Eu não falei nada de mais, eu vou entregar o vídeo e vou fazer a degravação e mandar”, completou.

Comunismo

Para finalizar, Bolsonaro repetiu o velho discurso: “Lamento todas as mortes que tiveram dos dois lados, se não tivesse aquela vontade de implantar o comunismo no Brasil não teria nada disso. Se tivessem aceitado a normalidade do que acontecia, nada teria”.

Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR