Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
11 de outubro de 2019, 21h11

Bolsonaro aciona advogados contra PSL

Em meio ao racha interno, Bolsonaro se uniu a cerca de um terço da bancada do PSL para enviar petição ao presidente da sigla, Luciano Bivar

Bolsonaro e Luciano Bivar, presidente do PSL (Reprodução)

Apesar da direção nacional do PSL dizer que a crise interna gerada por comentários do presidente Jair Bolsonaro estava sendo controlada, os bastidores seguem quentes. Bolsonaro, junto a 21 parlamentares, acionou um grupo de advogados para cobrar transparência na sigla três dias após dizer para um seguidor que ele deveria “esquecer” o partido porque o presidente nacional da legenda, o deputado federal Luciano Bivar (PSL-PE), estava “queimado”.

O trio formado por Paula Kufa, Marcello Dias de Paula e Admar Gonzaga (ex-ministro do Tribunal Superior Eleitoral indicado por Michel Temer) apresentou uma petição endereçada a Luciano Bivar requisitando detalhes do uso do Fundo Partidário nos últimos 5 anos por parte do PSL “com o objetivo de tornar pública informações relevantes sobre as contas da agremiação, em homenagem ao princípio constitucional da transparência”.

Os apoiadores de Bolsonaro argumentam que o acompanhamento das despesas deve ser feito já que o PSL deve receber 10 vezes mais recursos do que recebia anteriormente devido a eleição de 54 deputados federais. “Calha a responsabilidade de rigoroso acompanhamento das despesas do partido não somente pela justiça eleitoral, como também por todos aqueles que tenham legitimidade e interesse na manutenção da moralidade e, assim, transparência na arrecadação e gastos desses recursos públicos e privados, eventualmente aportado aos partidos por particulares”, diz o texto.

Ao lado de Bolsonaro estão seus dois filhos filiados à legenda, Eduardo (deputado federal, SP) e Flávio (senador, PSL), e outros 19 deputados federais, os mesmos que assinaram nota na quarta-feira em apoio às críticas que o presidente da República fez ao partido. No total, a legenda possui 53 deputados federais e 3 senadores – os rebeldes representam cerca de um terço disso.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum