#Fórumcast, o podcast da Fórum
22 de agosto de 2019, 10h33

Bolsonaro compartilha tuíte que diz que queimada na Amazônia é mentira: “Deus não gosta de mentirosos”

Em inglês - "follow the thread..." -, Twitter oficial de Bolsonaro compartilhou sequência de tuítes do olavista Filipe Martins, assessor especial da Presidência, que implora para que apoiadores parem de "espalhar mentiras" com a hashtag #prayforAmazonia

Filipe Martins em encontro com Olavo de Carvalho durante viagem de Bolsonaro aos EUA (Reprodução)

Acuado com a repercussão internacional – e entre seus apoiadores nas redes sociais – sobre os incêndios que estão devastando a Amazônia, Jair Bolsonaro compartilhou uma sequência de tuítes em inglês do olavista Filipe Martins, assessor especial da Presidência, que diz que notícias sobre aumento das queimadas são mentira e que “Deus não gosta de mentirosos”.

Se você curte o jornalismo da Fórum clique aqui. Em breve, você terá novidades que vão te colocar numa rede em que ninguém solta a mão de ninguém

“Então você acha que a Amazônia está em perigo e que você deveria orar para salvá-la? Um conselho: a primeira coisa que você deve fazer é parar de espalhar mentiras, já que mentir não prejudica apenas os esforços reais para proteger nossa floresta, mas também compromete suas orações – Deus não gosta de mentirosos”, tuitou o assessor, um dos principais representantes de Olavo de Carvalho no governo, no início da sequência.

Segundo Martins, “não é a retórica vazia, histérica e enganosa da grande mídia, burocratas transnacionais e ONGs, mas a ação soberana do Brasil” que vai salvar a Amazônia.

“O Governo do Presidente Bolsonaro deixou claro, tanto por meio de anúncios públicos quanto de suas diretrizes políticas, que está comprometida em combater o desmatamento ilegal e em promover ações concretas de proteção do meio ambiente”, diz Martins.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum