Entrevista exclusiva com Lula
26 de outubro de 2019, 15h07

Deputado apaga vídeo fake relacionando Farc com Lula e não responde sobre origem do vídeo

Alexandre Frota diz que autor é Allan dos Santos, comandante da milícia virtual bolsonarista. Vídeo foi divulgado inicialmente por Daniel Silveira (PSL-RJ), que quebrou a placa de Marielle durante a campanha e gravou reunião do PSL a mando de Bolsonaro, que também teria retuitado a fake news

Bolsonaro teria retuitado vídeo fake que foi apagado por Daniel Silveira (Montagem)

Responsável pela publicação de um vídeo fake neste sábado (26) em que homens caracterizados como membros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) chamam o ex-presidente Lula de “comandante”, o deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) afirmou nas redes sociais que não é fake news e não respondeu ao professor da FGV, Guilherme Casarões, que indagou sobre a origem do vídeo.

“Deputado, qual a procedência do vídeo? Se você diz que eu não sei, por favor, me esclareça”, indagou Casarões, na troca de mensagens em que Silveira diz que “não é fakenews, são militantes querendo gerar terror”.

Silveira é o mesmo que quebrou a placa de Marielle Franco durante a campanha e que gravou a reunião do PSL a mando de Jair Bolsonaro, que também teria retuitado o vídeo, que foi apagado na conta do deputado.

O retuíte de Bolsonaro foi registrado pelo jornalista Glenn Greenwald, do site The Intercept.

“A pessoa que deu esse vídeo de piada – obviamente falso -, provavelmente é uma das fontes mais confiáveis de @Biakicis, o que diz tudo o que você precisa saber sobre ela, o movimento Bolsonaro, e o PSL”, tuitou o jornalista, compartilhando reportagem da Fórum.

A deputada Bia Kicis também apagou a publicação, segundo ela, “assim que fui informada de que seria fake”. A parlamentar diz ter recebido o vídeo “de uma fonte muito respeitável e acreditei que fosse real”.

Sobre o vídeo das FARCS, removi assim que fui informada de que seria fake. Postei pq recebi de uma fonte muito respeitável e acreditei que fosse real. Removi pq não compactuo com a mentira, valeu? A gente pode se enganar mas não pode perder a integridade.

Segundo o ex-PSL e atual tucano Alexandre Frota (PSDB-SP), a fonte de Bia Kicis é o blogueiro bolsonarista Allan dos Santos, que seria o comandante da rede de fake news ligada aos filhos do presidente. Frota ainda diz que a publicação é prova que os aliados de Bolsonaro produzem e compartilham fake news nas redes.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum