Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
19 de agosto de 2019, 06h59

Em meio a cortes no orçamento, Bolsonaro gasta R$ 1,6 milhão com medalhas para condecorar a si e aliados

Ministérios das Relações Exteriores, da Defesa, Exército, Marinha, Aeronáutica e Escola Superior de Guerra têm mais de 50 tipos diferentes de condecorações. Gastos superam os que foram feitos em anos anteriores

Foto: Carolina Antunes/Agência Brasil

Militar reformado, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) desembolsou em seus primeiros meses de governo R$ 1,6 milhão para a confecção de medalhas para condecorar a si mesmo e aliados em cerimônias da caserna. Apesar de o governo ter patrocinado um contingenciamento que atingiu diversas áreas, entre elas a da Educação, os gastos com medalhas supera os que foram feitos em anos anteriores, como em 2017 e 2018.

O Facebook silenciou a Fórum. Censura? Clique aqui e nos ajude a lutar contra isso

Em abril, o presidente concedeu ao guru do bolsonarismo, Olavo de Carvalho, o mais alto grau da Ordem de Rio Branco, do Itamaraty. Essa condecoração é dada pelo governo para “distinguir serviços meritórios e virtudes cívicas, estimular a prática de ações e feitos dignos de honrosa menção.”

Na mesma ocasião, foram homenageados, com medalhas de grau inferior, os filhos Flavio, senador, e Eduardo, deputado federal, além de ministros, governadores e deputados aliados, entre eles o deputado federal Helio Negão (PSL-RJ).

Com informações da Folha de S.Paulo.

Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum