Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
17 de julho de 2019, 18h07

Embaixadores brasileiros nos EUA não fizeram “nada de bom” desde 2003, afirma Bolsonaro

“Imagina se o filho do Macri fosse embaixador no Brasil? Ligando pra mim, querendo falar comigo, quando ele seria atendido? Amanhã, semana que vem ou imediatamente? É essa que é a intenção”, tentou justificar a escolha do filho

Foto: Marcos Corrêa/Divulgação Presidência

Jair Bolsonaro não sabe mais o que fazer para defender a indicação do filho Eduardo para a embaixada nos Estados Unidos. Ele declarou, nesta quarta-feira (17), que, desde 2003, os embaixadores brasileiros em solo norte-americano não fazem “nada de bom”.

A afirmação ocorreu durante entrevista coletiva concedida em Santa Fé, na Argentina, onde o presidente participou da 54ª Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo.

“Se vocês pegarem de 2003 pra cá os embaixadores que nós tivemos no Brasil, do Brasil nos Estados Unidos, fizeram de bom pra nós? Nada”, afirmou Bolsonaro.

Ele declarou, ainda, que o objetivo com a eventual indicação do filho seria ter uma suposta prioridade em pedidos direcionados ao governo norte-americano.

Comparação

Bolsonaro comparou a situação com uma suposta indicação do filho de Mauricio Macri, presidente da Argentina, para um posto semelhante no Brasil.

“Imagina se o filho do Macri fosse embaixador no Brasil? Ligando pra mim, querendo falar comigo, quando ele seria atendido? Amanhã, semana que vem ou imediatamente? É essa que é a intenção”, tentou justificar.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum