Gleisi rebate Guedes sobre venda da Petrobras: “Por que não taxar os super-ricos?”

Deputada do PT também criticou o presidente: “Bolsonaro não tem a menor ideia do que está falando, privatizar a Petrobras não é saída para o preço dos combustíveis”

Gleisi Hoffmann, deputada federal e presidenta nacional do PT, usou as redes sociais para criticar Paulo Guedes. O ministro da Economia de Jair Bolsonaro defendeu, nesta quarta-feira (13), que a Petrobras seja privatizada para que o dinheiro arrecadado com a venda da empresa seja utilizado para transferir riquezas ao segmento mais pobre da população.

Guedes tira da cartola mais uma solução genial, vender ações da Petrobras pra bancar programas sociais. É assim que vai ser, vamos sair vendendo tudo, até o controle da maior estatal brasileira? Por que não taxar os super-ricos? Não, o lance dessa turma é poupar o andar de cima”, tuitou Gleisi.

Jair Bolsonaro também fez afirmações em defesa da privatização da empresa.

“É muito fácil: aumentou a gasolina, culpa do Bolsonaro. Já tenho vontade de privatizar a Petrobras. Tenho vontade. Vou ver com a equipe econômica o que a gente pode fazer. O que acontece? Não posso controlar, melhor direcionar o preço, mas, quando aumenta, a culpa é minha apesar de ter zerado imposto federal”, declarou.

A parlamentar não poupou o presidente: “Bolsonaro não tem a menor ideia do que está falando, privatizar a Petrobras não é saída para o preço dos combustíveis. Empresa privada não abre mão de lucro. A solução é não dolarizar. Quer fugir da responsabilidade e entregar de mão beijada nossa maior estatal”, acrescentou a petista.

Nos EUA

Paulo Guedes, em entrevista à imprensa em Washington (EUA) esta semana, afirmou: “Vamos levar a Petrobras para o novo mercado? Hoje, o governo controla a Petrobras com ações ordinárias. Se você falar que vai para o novo mercado, os cálculos são que a Petrobras pode ganhar entre R$ 100 bilhões e R$ 150 bilhões de valor adiciona”, disse.

Avatar de Lucas Vasques

Lucas Vasques

Jornalista e redator da Revista Fórum.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR