#Fórumcast, o podcast da Fórum
23 de outubro de 2019, 23h13

Haddad chama ministro Ricardo Salles de criminoso

Ele se referiu ao fato de que o departamento responsável por definir estratégias para emergências ambientais no Ministério do Meio Ambiente ficou sem comando por seis meses

Foto: Reprodução/GloboNews

O ex-ministro Fernando Haddad (PT) usou o Twitter para fazer duras críticas à atuação do governo de Jair Bolsonaro e, especificamente, ao ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles.

“#SallesCriminoso: Sem chefe por 6 meses, departamento de emergências ambientais ganhou diretor 35 dias após crise das manchas começar. Desastre Ambiental: petróleo nas praias do Nordeste”, postou Haddad.

No rastro do crime ambiental nas praias do Nordeste: Ajude a Revista Fórum a mergulhar na realidade dessa grande tragédia

Seis meses sem comando

Ele se referiu ao fato de que o departamento responsável por definir estratégias para emergências ambientais no Ministério do Meio Ambiente, sob responsabilidade de Salles, ficou sem comando por seis meses em 2019. O cargo só foi ocupado 35 dias depois do início da tragédia das manchas de óleo nas praias do Nordeste.

Subordinado à Secretaria de Qualidade Ambiental, o Departamento de Qualidade Ambiental e Gestão de Resíduos teve sua diretora exonerada em março deste ano.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum