No rastro do óleo do Nordeste
07 de novembro de 2019, 19h49

Homem que ofendeu Fernanda Montenegro é nomeado por Bolsonaro para Secretaria de Cultura

Dramaturgo Roberto Alvim já havia lançado em suas redes sociais uma convocação para “artistas conservadores” criarem uma “máquina de guerra cultural”

Foto: Edson Kumasaka/ Divulgação

Jair Bolsonaro decidiu indicar Roberto Alvim para chefiar a Secretaria Especial de Cultura. Em setembro, o dramaturgo causou enorme polêmica, ao ofender abertamente Fernanda Montenegro.

De forma absolutamente grosseira, ele chamou a atriz de “sórdida” em suas redes sociais. O ataque veio depois que Fernanda posou para a revista literária “Quatro cinco um”, vestida como uma bruxa prestes a ser queimada em uma fogueira com livros.

Alvim chama atenção por suas polêmicas e não pelo trabalho. Antes disso, ele havia lançado em suas redes sociais uma convocação para “artistas conservadores” criarem uma “máquina de guerra cultural”. Ele dizia na época ser perseguido por apoiar Bolsonaro.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum