Fórumcast, o podcast da Fórum
28 de agosto de 2019, 10h47

Magoado por ter sido chamado de mentiroso, Bolsonaro diz que não fala com “Marcon” até ele se retratar

Bolsonaro demonstrou que um poço de mágoa ainda o afasta de manter qualquer relação com o presidente francês, Emmanuel Macron - a quem se referiu como "Marcon" em um tropeço de linguagem

Bolsonaro e Sebastian Piñera (Foto: Marcos Corrêa/PR)

Em entrevista coletiva ao lado do presidente chileno, Sebastian Piñera, na manhã desta quarta-feira (28), Jair Bolsonaro demonstrou que um poço de mágoa ainda o afasta de manter qualquer relação com o presidente francês, Emmanuel Macron – a quem se referiu como “Marcon” em um tropeço de linguagem.

Se você curte o jornalismo da Fórum clique aqui. Em breve, você terá novidades que vão te colocar numa rede em que ninguém solta a mão de ninguém

“A gente lamenta a péssima imagem que foi possibilitada pelo senhor ‘Marcon’ inverídica sobre nossa Amazônia”, disse Bolsonaro, após ressaltar que o francês estaria tentando capitalizar a bandeira do meio ambiente apenas para ele. “Essa bandeira não é dele, é nossa, do Chile, de muitos países do mundo”.

Bolsonaro se mostrou magoado com o que chamou de ofensas do mandatário francês, que o chamou de mentiroso sobre dados divulgados de desmatamento na Amazônia, e afirmou que não falará mais com Macron, até ele se retratar.

“No tocante ao governo francês, o fato de me chamar de mentiroso e por duas vezes falar que a soberania da Amazônia tem que ser relativizada, somente após ele se retratar do que falou no tocante à minha pessoa, que representa o Brasil como presidente eleito, e bem como ao espírito patriótico do nosso povo, que não aceita relativizar a soberania da Amazônia. Em havendo isso aí, sem problema nenhum voltamos a conversar”, disse Bolsonaro.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum