segunda-feira, 21 set 2020
Publicidade

Moro não descarta candidatura à Presidência: “Não existe nenhum demérito na política”

Avesso à política partidária enquanto, como juiz, articulava com procuradores da Lava Jato todo o processo que o levaria ao Ministério da Justiça do governo Jair Bolsonaro (PSL), Sergio Moro afirmou na madrugada desta segunda-feira (21) ao programa Poder em Foco, do SBT, que não descarta concorrer à Presidência, ressaltando, no entanto, que nunca entraria em uma disputa com o atual chefe.

“Acho improvável, agora, o futuro é distante. Agora, certamente, jamais concorreria contra o presidente Bolsonaro. Se ele for realmente candidato à reeleição, mas como se diz, não existe nenhum demérito na política, a política é uma das atividades mais nobres”, afirmou.

Após negociar a ida ao cargo como uma das etapas para ser indicado ao Supremo Tribunal Federal (STF), Moro disse que não concorreria com Bolsonaro por “lealdade”.

“O presidente manifestou o desejo de buscar a reeleição. E se isso acontecer mesmo, evidentemente, como parte do governo, eu tenho dever até de lealdade [de apoiá-lo]”, disse.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.